Uma Escolha…

Dia 21 da Roda das Deusas 2009
Bides da Iniciadora

A Vida não é como ela é…
A vida é como a gente a faz!

Já faltam poucos dias para voltar ao trabalho, e não quero fazê-lo; pois este voltar era para longe de casa, longe do meu centro, mas tenho de voltar!

Porém será um retorno diferente, sem stress e sem pressas; não vou mais ser refém do tempo e da correria do trabalho, da escravidão do produzir mais, do “endeusar” os ganhos financeiros, colocando-os em primeiro plano.

Uma escolha...

Correr, produzir, ganhar… o quê? Para quê? Porquê?

Correr… ao que foi estabelecido para mim.

Produzir… um bom trabalho (aparentemente) porque é o que se espera de mim.

Ganhar… dinheiro para provar “n” coisas.

O que foi estabelecido… me rouba a Vida, e me deixa na boca um gosto amargo de escravidão.

Um bom trabalho… que na verdade não o é, porque foi feito com a mente e não com o coração.

Dinheiro… que compra tudo, menos a Paz de espírito com a qual posso ser livre, me divertindo ao caminhar de mãos dadas com meu coração, compondo uma Vida real que me faça feliz.

– O que desejo?

– Para quê serve o meu desejo?

– Por quê tenho esse desejo?

– Desejo… viver tranquila, criando Vida real, desenhando caminhos, inventando lugares onde realizar meus sonhos.

– Serve… para que outros vejam as minhas pegadas e saibam que o caminho de seus sonhos também pode ser percorrido, e que isso não é crime; pois somente mata “n” coisas que foram estabelecidas e esperadas de nós, pelos outros.

– Tenho esse desejo…porque ao igual que qualquer Ser Humano, somente meus sonhos alimentam minha alma, somente eles e não as “n” coisas que foram determinadas, para que eu lhes dê minha vida, e me transforme em algo que não desejo.

Sonhos e desejos: a chave do bem viver!

Imagem: Rhys Jones Photography – CC

O Círculo dos Mundos – A Plenitude

O Círculo dos Mundos – A Plenitude

É essa espera que não nos permite viajar aos incomensuráveis domínios de nosso ser interior, é essa angustia por uma criação que não acontece.

Este é outro círculo que precisa ser quebrado para que nossa vida possa ser plena; esta plenitude que somente pode ser construída com os pedaços do círculo quebrado.

Leia mais »

As Batalhas com a Vida

As Batalhas com a Vida

Não importa as “armas estratégicas” que a Vida use, eu sempre ganho a batalha Dela; Ela já usou armadilhas na forma de grandes problemas, como contas para pagar, falta de dinheiro, visitas, pressa; também tormentas na forma de brigas e desavenças, ou chuva na forma de tristeza e dor pelos que já se foram.

Leia mais »

O Inicio da fortuna!

Fortuna e Prosperidade! Vamos dar inicio à nossa fortuna, à fortuna de cada uma, com um cofrinho com forma de porquinho se possível. Para começar a amassar a nossa fortuna, deverão usar 10 reais e uma moeda do menor valor em reais. A moeda menor deve ser marcada com um ponto vermelho, que pode ser…

Leia mais »

Poemas, Poesias e Desencantos

O que dizer, o que fazer, quando as palavras não chegam, e o coração transborda de emoções que clamam por se expressar? Ficar, ir, ou vir, nada significa nada; nada nos satisfaz a não ser aquilo que teima em pulsar no peito, a um ritmo acelerado.

Leia mais »