Mestre Dragão na “Camomila Ou Nevasca” da Lua Cheia

 photo nevasca 2.jpg

Roda das Deusas 2016
Dia 11 do Bides da Iniciadora

Pinóquio e A Fada Azul

Se usa uma infusão de camomila para dar brilho nos cabelos depois de lavá-los; os cabelos são as “antenas” do corpo humano.

Vou contar a historia de um casal de amigos, porque foi a traves dessa historia que me foi dado este ensinamento como uma forma de que eles compreendam o que esta acontecendo e resolver a situação.

Vou chamar ele de João e ela de Maria; o João está “nublado” como ele diz, na verdade ele está cegado pela nevasca ou brilho das antenas.

 photo camomila_2.jpgEle precisa saber, lembrar e se tornar novamente o “Mestre Dragão” que é!

Ou seja, ele precisa voar, levantar vôo a través do conhecimento para poder sair da nevasca.

No sonho me mostraram alguém batendo na cabeça dele e soava como madeira, isso foi para me explicar que ele está como Pinóquio, precisa se ornar um “menino” de carne e osso para ter o coração dele funcionando de novo, porque ele perdeu a Paixão pela Vida, pelas coisas, pelo trabalho.

No conto infantil é a Fada Azul quem pode transformar ele, no conto da cinderela a Fada Azul é ruim, é a bruxa.

Pelo que entendi ele “capta” muita coisa e desta vez foi demais, superou e saturou ele porque ele não tem base, falta conhecimento.

Penso que ele deu um “mergulho na Alma do Mundo” dele, e absorveu muita informação para a qual não estava preparado.

São novas etapas que precisam de uma base firme para poder se desenvolverem.

Sem essa base nada pode se alcançado; vi também que se ele não conseguir estabilizar uma base segura de conhecimento interno vão colocar ele “para dormir” ou ele vai colapsar uma e outra vez, tendo ataques de pânico por não conseguir manejar as situações em sua vida cotidiana, e os que o protegem não vão permitir isso.

Vi ele a Maria dentro de um enorme circulo de pedras, os dois abraçados, dentro de um portal imenso, em contato com os eu superior, mas não os deles, sim outros eu superior amigos.

E aqui vamos a outra informação: faz alguns meses me “rebaixaram” de investigadora nos Arquivos Akasicos e me disseram que não poderia e me falaram que agora estou encarregada do “transito” nos Arquivos, sendo que não poderia ir mais buscar informação, somente ensinar outros a ir lá, descobri que posso me conectar com “uma janela de incógnito”,  como no computador quando não da para navegar com o usuário principal.

 photo nevasca.jpgEntão, estas janelas de incógnito são eu Superior amigos, e a través deles posso continuar indo sem problemas para investigar o que eu desejar.

A conexão com o próprio eu superior acontece pela cabeça, pelo Chakra da Coroa, mas com os eu superior amigos acontece pelo Chakra do Plexo Solar.

Isto me foi mostrado para que lembrasse da 1º vez que “me conectei” com uma janela de incógnito, com um eu superior amigo; aconteceu quando eu tinha 6 anos, lembro que passei muito mal fisicamente.

Eu senti uma dor muito intensa que durou como uma hora, e me parecia que eu não podia respirar, mas podia, e respirava; minha mãe me levou para fora da casa, era de noite e ventava muito.

Como era verão tínhamos passado o dia na praia, e ela acho que eu tinha comido demais quando chegamos, mas eu não tinha feito isso e não sentia o estômago pesado, sentia dor na boca do estômago, mais que dor parecia que tinha algo trancado nesse lugar.

Foi muito incomodo, e ela ficou fazendo massagem de cima para baixo ali até que começou a aliviar e passou.

Hoje sabendo disto, começo a perceber que foi depois disso que eu fiquei muito intuitiva, sempre sabia o que estava acontecendo, ainda que os adultos não contavam para as crianças como eram realmente as coisas.

Sempre pensei que eu pensava e entendia as coisas desde criança como os adultos, hoje vejo que era a visão do eu superior amigo que me mostrava tudo ou que via tudo e eu percebia que nem ele.

Nunca sucumbi à dor, tudo o que acontecia na minha volta não me afetava emocionalmente; eu pensava: como é que eles podem brigar assim (os adultos) como podiam fazer isso ou aquilo, também via que se preocupavam com minha saúde emocional, e eu não precisava, mas as vezes me aproveitava disso.

Como não levar os temas feitos, ou não ter estudado… Dava a desculpa de que a minha mãe estava internada (era verdade) e que eu tive que cuidar meus irmãos, limpar a casa e cozinhar, (também era verdade), mas eu não tinha estudado por pura preguiça, porque mesmo fazendo as coisas teria me dado tempo para estudar.

Agora a Maria… Ela também está com uma janela de incógnito aberta, mas o eu superior amigo dela não está imerso na nevasca que nem o do João, o dela “mordeu” a nevasca da Lua Cheia, o brilho das antenas, a informação que ela recebeu, e está com essa Lua Cheia presa nas mandíbulas para que ela não engula ela e ele, por isso ela está com problemas nessa área.

Ela também capta informação, aprende coisas, mas não está preparada para isso, não tem base segura para se desenvolver.

 photo cachorro.jpgEsta afecção que ela sofre não tem cura pela medicina convencional, as homeopatias ajudam, mas não resolvem.

Conto esta historia pois pode ajudar outros a indagar sobre seu problemas, que podem ser aparentemente insolúveis mas que na realidade è somente uma questão de investigar sua própria questão pessoal e/ou espiritual.

A forma que me foi explicada para estabilizar o fluxo do Chakra do Plexo Solar, ou seja, a quantidade de informação que nos chega è a traves dos cachorros em nossa vida.

Isto acontece porque a relação que desenvolvemos come eles é de amizade, e no caso estamos tratando com um eu superior amigo; dessa forma estaríamos interagindo com a energia da amizade pura de uma forma consciente o que dará estabilidade à informação que captamos.
Imagens: juanjaen – bryonia – barabanov – neophox

Um comentário

Página 1 de 1
  1. Odete Moraes Nunes
    Odete Moraes Nunes às | | Responder

    Debora, por favor, se possível preciso de Vossa ajuda, meus últimos longos trinta anos têm sido, sobre todos os aspectos encapusados de derrotas. Já procurei ajuda em várias áreas, mas ninguém pode, até agora me ajudar. Estou com 56 anos de idade e tenho percebido que meus chacras estão travados e não conisgo destravá-los. por favr me ajuda. Agradecida.

Deixe seu comentário